Canárias envolve Cabo Verde em projetos com financiamento europeu de 30 milhões de euros

Canárias envolve Cabo Verde em projetos com financiamento europeu de 30 milhões de euros

As relações entre Cabo Verde e Canárias remontam a 1999, altura em que foi assinado o Convénio Quadro de Cooperação.

Cabo Verde participa em 42 projetos apresentados pelas Canárias ao programa de cooperação transnacional da União Europeia, num investimento total de 30 milhões de euros até 2020, anunciou hoje o presidente do Governo daquele arquipélago espanhol.

“Dentro dos programas MAC da União Europeia, dos 56 projetos apresentados [pelas Canárias], 42 vão a ter participação, trabalhos e desenvolvimento em Cabo Verde, com um investimento estimado de 30 milhões de euros”, disse Fernado Clavijo Batle.

O presidente do Governo das Canárias, que está em Cabo Verde para a cimeira entre os dois arquipélagos, que decorre terça-feira, na cidade da Praia, falava aos jornalistas ao final da manhã, após uma visita de cortesia ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca.

As regiões europeias da Macaronésia – Açores, Madeira e Canárias – podem concorrer ao Programa de Cooperação Transnacional (MAC-FEDER), da União Europeia, que prevê a possibilidade de envolver países terceiros da sua região, como Cabo Verde, Mauritânia e Senegal.

Durante o encontro com Jorge Carlos Fonseca, o presidente do Governo das Canárias disse ainda ter abordado a necessidade de dar continuidade à cimeira entre as duas regiões.

“Falamos sobretudo a necessidade de dar continuidade à cimeira. Que seja possível recuperar a periodicidade anual”, disse, adiantando que as Canárias querem também participar no Fórum Mundial de Desenvolvimento Local, marcado para o próximo ano em Cabo Verde.

“Estamos a procurar com os Açores e a Madeira ver alguma instituição que nos permita ter presença internacional”, disse Fernando Clavijo.

O presidente do Governo das Canárias chegou domingo a Cabo Verde e durante a manhã de segunda-feira cumpriu um calendário de visitas de cortesia ao primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva e ao Presidente da Assembleia Nacional, Jorge Santos.

Durante a tarde de hoje tem previstas visitas a empresas das Canárias instaladas em Cabo Verde e ao final do dia preside conjuntamente com o primeiro-ministro à inauguração da operação em Cabo Verde da empresa de aviação Binter.

A cimeira entre as duas regiões decorre durante a manhã de terça-feira, no palácio do Governo, na cidade da Praia.

Durante a cimeira vai ser assinado um memorando de entendimento para o reforço das relações bilaterais e de cooperação económica e empresarial entre os dois arquipélagos.

As relações entre Cabo Verde e Canárias remontam a 1999, altura em que foi assinado o Convénio Quadro de Cooperação.

Juntamente com a comitiva governamental, encontra-se em Cabo Verde uma delegação de empresários das Canárias que hoje estiveram participaram num encontro com homólogos cabo-verdianos.

Lusa

Related posts

Leave a Reply

Deixar uma resposta